Últimas Notícias

LIVERPOOL PERDE DO ESTRELA VERMELHA E SE COMPLICA NA LIGA DO CAMPEÕES



Nesta terça-feira, o Liverpool foi até Belgrado (SER) para encarar o Estrela Vermelha e, surpreendentemente, levou a pior. Pela quarta rodada do Grupo C da Liga dos Campeões, o time inglês entrou em campo com time misto, sem Firmino, que entrou apenas no intervalo, e sem o brilho de Salah e Mané, que não tiveram boa atuação. Deu chance para o azar e acabou sendo derrotado por 2 a 0, com dois gols do atacante Pavkov.

O resultado é péssimo para os Reds, que, com os mesmos seis pontos ganhos, perdem a oportunidade de garantir a liderança da chave e encaminhar a classificação ao mata-mata. Já o time sérvio comemora sua primeira vitória nesta edição da Champions League, indo a quatro pontos e podendo, inclusive, buscar a inesperada classificação.

Na quinta, e penúltima, rodada do Grupo C, os comandados de Jurgen Klopp visitam o Paris Saint-Germain na capital francesa, enquanto o Estrela vai a Itália para enfrentar o Napoli. Ambos os confrontos estão marcados para o dia 28 de novembro, quarta-feira, às 18h (no horário de Brasília).

Surpresa Vermelha

O jogo começou mais equilibrado do que o esperado, com o Liverpool não tendo tanta facilidade para penetrar na defesa sérvia. Tanto é que foi o Estrela Vermelha que levou perigo primeiro. Em escanteio cobrado aos 14 minutos, a zaga inglesa não conseguiu afastar e Savic ficou com ela. Ainda dentro da área, o defensor girou e bateu, para fora, mas assustando Alisson.

Os Reds responderam aos 16, com Mané invadindo a área pela esquerda e cruzando à meia altura. A bola passou por todo mundo e sobrou limpa para Sturridge, que acabou exagerando na força do chute, mandando por cima e perdendo uma chance claríssima de gol.

Depois de Sturridge perder mais uma boa oportunidade, não tão clara como a primeira, foi a vez de Alisson aparecer, fazendo boa defesa em chute de Srnic. O goleiro brasileiro, porém, não conseguiu evitar que a bola entrasse na sequência. Em cobrança de escanteio pela direita, Pavkov levou a melhor pelo alto e testou para dentro, abrindo o placar para os donos da casa.

O Liverpool sentiu o baque e, com 28 rodados, Pavkov mostrou que também sabe fazer gol com a bola no chão. O camisa nove dominou na intermediária, se livrou da marcação e acertou uma pancada no canto esquerdo, à meia altura, sem chances para Alisson, fazendo a festa da torcida em Belgrado.

Os ingleses bem que tentaram diminuir o placar antes do intervalo, mas a bola não entrou, sacramentando a vitória parcial do time sérvio.

Retranca sérvia, desespero inglês

Na obrigação de buscar o resultado, o Liverpool voltou com pressão total na etapa final. Logo aos três minutos, Firmino, que havia acabado de entrar, recebeu pela esquerda e cruzou. Mané apareceu na pequena área, mas não conseguiu pegar em cheio e a zaga do Estrela conseguiu afastar, praticamente em cima da linha.

Aos 10, foi a vez de Lallana arriscar cruzamento pela esquerda. Desta vez, a bola desviou no marcador, encobriu o goleiro Borjan e só não entrou porque carimbou o travessão.

Já com 25 rodados, Salah resolveu aparecer para o jogo. Primeiro, o egípcio tentou de fora da área, obrigando Borjan a fazer boa defesa e espalmar para escanteio. Na sequência, pegou a sobra do cruzamento e, na meia lua, bateu colocado, acertando a forquilha esquerda do gol sérvio.

Aos 36, Borjan voltou a salvar o time da casa. Sem ângulo, Salah evitou a saída da bola e tentou direto para o gol. Borjan estava ligado e saiu bem, encaixotando o egípcio e evitando o gol dos Reds.

De fato, não era dia. O time de Klopp demorou a acordar, a bola não entrou e, merecidamente, o triunfo foi do Estrela Vermelha.

Fonte: Gazeta Esportiva

Sem comentários