Últimas Notícias

"O VALENTE NÃO É VIOLENTO"



Projeto 'O Valente não é Violento' discute equidade de gênero em escolas de Juazeiro



Professores de seis escolas da rede pública estadual de Juazeiro vão participar, até a próxima sexta-feira (10), da segunda etapa do projeto-piloto 'O Valente não é Violento'. Esta é a primeira vez que a ação, iniciada na segunda-feira (6), chega à cidade do Centro-Norte baiano.

No decorrer de toda a semana, os profissionais da área da educação participarão de oficinas ministradas pela Entidade das Nações Unidas para Igualdade de Gênero e Empoderamento da Mulher (ONU Mulheres), via parceria com a Secretaria de Políticas para as Mulheres do Estado (SPM) e da Educação (SEC). O conteúdo dos workshops visa, justamente, repensar atitudes e comportamentos machistas, estimulando e fomentando relações de equidade entre homens e mulheres.

“Essa ação reforça a missão da SPM de promover a igualdade entre homens e mulheres e combater todas as formas de preconceito e discriminação, herdadas de uma sociedade patriarcal, misógina e excludente. O homem valente não precisa ser violento e esse projeto enfatiza, inclusive, a responsabilidade que os representantes do gênero masculino devem assumir na eliminação da violência contra as mulheres”, analisa a assessora da coordenação de enfrentamento à violência da SPM, Lanai Santana.


Metodologia

Durante as oficinas, serão debatidas questões pertinentes ao sexo, gênero e poder, além de estereótipos relacionados ‘Gênero e esporte’, ‘Raça/etnia e mídia’, ‘Carreiras e profissões’, e ‘Vulnerabilidade e prevenção’.

Uma das facilitadoras das oficinas, a consultora da ONU Mulheres Givânia Silva, destaca que "escolas formam consciência e pessoas e precisam estar inseridas nessa mudança de concepção. Ao final, haverá a entrega de certificados e a apresentação de um plano de ação que contém estratégias de atuação internas e externas, visando reduzir os índices de violência contra as mulheres, em especial as mulheres negras".

O consultor da ONU Márcio Fegundo vai permanecer em Juazeiro até dezembro. "Vou acompanhar a implantação do plano de ação elaborado a partir das oficinas e mensurar os resultados desse projeto", conta.


Fotos: Divulgação

Sem comentários