Últimas Notícias

TESTEMUNHA RELATA TENSÃO EM ACIDENTE NO BEACH PARK

Testemunha relata tensão em acidente no Beach Park: não fomos alertados


Uma testemunha do acidente que matou o radialista Ricardo José Hilário da Silva, de 43 anos, no Beach Park, em Fortaleza, relatou os momentos de tensão e afirma que ninguém foi alertado sobre os riscos.

Em entrevista à Rede Globo, Matheus Sena contou que descia no toboágua ao lado da namorada, Michele Laverde, de Ricardo e de um outro homem. Segundo ele, havia um alerta indicando que o peso das pessoas que estavam na boia não podia ultrapassar 320. No entanto, mesmo tendo uma pessoa de porte físico grande no grupo, a equipe de funcionários não fez qualquer alerta ou avaliação antes da descida. “Parecia que estava tudo ok, mas tinham que ter alertado sobre o risco”, contou.

A testemunha disse ainda que conheceu a vítima na entrada do brinquedo. Ele estava sozinho e pediu para compartilhar a boia, pois a atração, chamada Vainkará, exige que quatro pessoas compartilhem o objeto.

“Foi um desespero muito grande. A gente tentou ajudar como podia. A minha namorada sofreu uma pancada forte no peito e no braço, ainda está ruim pra ela respirar”, completou Sena.

Ainda segundo Mateus, o parque só socorreu Ricardo e não prestou qualquer atendimento à demais vítimas, com ferimentos mais leves. “Eles deram um suporte primeiro para o Ricardo, que estava mais grave, mas nós que tínhamos condições de andar fomos humilhados, sem atendimento. A família dele, que desceu logo em seguida, ficou mais de 30 minutos sem notícias”, contou.

O acidente aconteceu na tarde de segunda-feira (16). Ricardo descia o toboágua “Vainkará” ao lado das outras três pessoas quando, após curva, a boia subiu mais do que deveria. A vítima caiu e bateu a cabeça na superfície do toboágua.

"Ele [Ricardo] caiu do meu lado, desmaiou na hora. Segurei ele, mas a água foi me puxando, fui levantando ele pra não engolir água. Os salva-vidas demoraram pra chegar e ajudar", contou.

A atração, que foi inaugurado na semana passada, está fechado até que as investigações sejam concluídas.

Em nota, o Beach Park lamentou a morte do turista e disse que está dando todo o apoio, suporte a atenção para a família.

Fonte: Notícias Ao Minuto/Portal Valle

Sem comentários