Últimas Notícias

AGENDA DO DIA: VEJA O QUE VOCÊ PRECISA SABER HOJE



© Foto: Reuters Palocci



DECISÃO DO STF

O plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) retoma na tarde desta quinta-feira, 12, o julgamento do pedido de habeas corpus do ex-ministro Antonio Palocci, preso preventivamente desde setembro de 2016. Relator do caso, o ministro Edson Fachin votou na quarta-feira para não conceder o pedido ao ex-ministro, e foi acompanhado por Luís Roberto Barroso, Luiz Fux e Alexandre de Moraes. (Via Exame)



LAVA JATO

- Marcelo Odebrecht diz que cada vez complica mais a vida de Lula

O empresário Marcelo Odebrecht afirmou nesta quarta-feira, 11, à Justiça Federal quequanto mais analisa e envia para os investigadores da Operação Lava Jato seus e-mails recuperados, "mais complica" a vida do ex-presidente. Luiz Inácio Lula da Silva, preso e condenado, em Curitiba, desde o dia 7. Odebrecht foi ouvido como colaborador no processo em que é réu com Lula, acusados de corrupção e lavagem de dinheiro na compra de um terreno que abrigaria o Instituto Lula, em São Paulo, em 2010, no valor de R$ 12,5 milhões. (Via Estadão)



ELEIÇÕES

- PT só tem 'plano L, de Lula', diz Haddad

O ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad falou com a imprensa no diretório nacional do PT em Curitiba, na noite de quarta-feira (11), reafirmando o compromisso do partido com o ex-presidente e a expectativa de que o Supremo Tribunal Federal (STF) "restabeleça a Constituição no Brasil". “O PT só aposta em Lula, não há outra discussão do partido. Isso não é uma visita protocolar, a decisão está tomada. Dia 15 de agosto o partido vai registrar a candidatura do ex-presidente Lula, não há debate”. (Via Notícias ao Minuto)



- Polícia encontra ligação entre caso Marielle e mortes em Niterói

Oito balas usadas no assassinato da vereadora Marielle Franco e seu motorista Anderson Gomes eram do mesmo lote de outras disparadas em três execuções em Niterói e São Gonçalo entre 2015 e 2017. (Via Veja Rio)


MUNDO

-
Papa admite equívoco por subestimar abusos de menores no Chile

Em uma carta aos bispos chilenos, o Papa transmitiu sua “vergonha” e “dor” pelas conclusões da investigação sobre os abusos de crianças cometidos pela Igreja naquele país. Francisco admite que cometeu “graves equívocos na avaliação da situação”. (Via El País)

- 'Foi meu erro e eu sinto muito', diz Zuckerberg

No segundo dia de depoimento no Congresso dos EUA, o fundador do Facebook, Mark Zuckerberg, pediu desculpas e se disse responsável pelas ações da rede social, que é alvo de uma polêmica envolvendo o vazamento de dados de seus usuários. Zuckerberg afirmou ainda que seus próprios dados também foram vendidos. (Via AFP e Gizmodo)

Sem comentários