Últimas Notícias

PREFEITURA DE LUÍS EDUARDO MAGALHÃES DECLARA GUERRA AO AEDES AEGYPTI

GUERRA AO AEDES AEGYPTI: PREFEITURA INTENSIFICA FISCALIZAÇÃO DE TERRENOS BALDIOS E NOTIFICA PROPRIETÁRIOS PARA REALIZAÇÃO DE LIMPEZA

Muitos proprietários de terrenos em Luís Eduardo Magalhães desrespeitam o Código de Posturas do Município e deixam acumular lixo e entulhos nesses locais, colocando em risco a saúde e a segurança da população. A situação não é diferente quando se trata das loteadoras, que em razão da especulação imobiliária, têm prejudicado substancialmente a cidade, deixando-a em estado de total abandono. Diante desse contexto, a prefeitura intensificará a fiscalização dessas áreas que se encontram sujas.

Terrenos não edificados, de propriedade privada, deverão ser mantidos limpos, capinados, drenados, isentos de quaisquer sujeiras, a fim de evitar a proliferação de insetos e possíveis focos transmissores de doenças nocivas à saúde e à coletividade, sob pena de aplicação de penalidades como multas, conforme tabela anexa à Lei nº 248, de 30 de maio de 2007, que modifica o Código de Posturas do Município.

No ano de 2017, com a Campanha “Cidade que Te Quero Limpa”, o atual governo realizou um intenso trabalho de limpeza urbana em todo o município, que se encontrava em estado caótico. Sobre as notificações e aplicação de multas, o Prefeito Oziel Oliveira explica que a ação é de grande importância para Luís Eduardo Magalhães, principalmente em tempos de epidemia de dengue, zika e chikungunya. “Embora possamos perceber o esforço intenso de uma parcela da sociedade em manter a limpeza de seus quintais e tudo o que eles acomodam, o engajamento parcial não resolve, é preciso que toda a sociedade esteja comprometida. Por esse motivo, a partir de agora começaremos a aplicar penalidades para quem não cumprir o estabelecido pelo Código de Posturas do Município. Terrenos abandonados viram facilmente pontos de lixo, que são grandes criadouros de mosquitos, o que se transforma em um grave problema de saúde pública”, ressaltou o chefe do executivo municipal.

Vale lembrar que cabe à prefeitura, a limpeza apenas das vias e áreas públicas. É importante também a conscientização da comunidade no sentido de continuar colaborando, acondicionando corretamente o lixo doméstico, pondo os sacos nas ruas somente 30 minutos antes de o caminhão passar para realização da coleta, não jogar entulhos nas calçadas, que tanto dificultam a passagem dos pedestres. “Pequenos hábitos podem ajudar na preservação do meio ambiente e melhoria da qualidade de vida. Com a coleta mais eficiente, a cidade permanece limpa e o custo com a limpeza urbana diminui consideravelmente”, encerrou Oziel.

SIGA-NOS NO FACEBOOK:Portal Valle! CLIQUE AQUI!

Sem comentários