Últimas Notícias

ANGICAL: MESMO SOB PROTESTO PREFEITO MANDA FECHAR ESCOLA

Vereador Antonio Neto (D), com o Governador Rui Costa ficou indignado ao tomar conhecimento da decisão do prefeito de Angical.
por: Chico Duvalle(DRT-1741/MA)
Foto: DIVULGAÇÃO

Em Angical cidade mãe de diversas cidades do Oeste Baiano, a população vive bem próximo do reencontro com os tempos da idade da pedra, em especial os alunos do povoado Riachão do Aricobé próximo a serra que divide o município com outras cidades do Oeste.

A reportagem de O PORTAL VALLE, recebeu cópia do documento(ANEXO) encaminhado a Prefeitura solicitando o recuo da decisão em fechar a escola, o prefeito do município está firme na sua decisão e não abre mão do fechamento da Escola Joaquim Manoel de Alcântara, comunidade Riachão de Aricobé,

A decisão do chefe do executivo que atende a decisão de um vereador da base aliada deixou pais e alunos indignados, pois com essa medida os alunos terão que se deslocar para a sub sede do município (Missão) para frequentar a sala de aula. 

De acordo com os pais o trecho não é longo, mas as crianças terão que enfrentar poeira e lama para chegar a nova escola, informações dão conta de que os veículos alugados para o transporte escolar ficaram cerca de 5 meses sem receber seus proventos e depois de ameaças de paralisação a gestão efetuou o pagamento de um mês. mas os condutores afirmam que o futuro é incerto. 

Diante desse quadro caótico, pais e alunos da Escola Joaquim Manoel de Alcântara, da comunidade Riachão de Aricobé, enviaram um documento com várias assinaturas ao prefeito reivindicando o não fechamento da unidade escolar por entender que o fechamento da mesma irá causar o mutilamento da identidade cultural da comunidade. 

"Sabemos que o fechamento dessa unidade escolar vai beneficiar muitas pessoas ligadas diretamente ao prefeito, mas a nossa luta continua, não vamos nos acovardar diante de uma postura de falta de conhecimento do nosso prefeito, será que ele sabe o que é uma identidade cultural?, indagou um dos lideres do manifesto. VEJA O DOCUMENTO NA INTEGRA

SIGA-NOS NO FACEBOOK:PORTAL VALLE

Sem comentários