Flickr

Pelc promove capacitação de 100 agentes sociais e coordenadores


Atividades físicas com ludicidade e discussões sobre arte, cultura e esporte fazem parte da capacitação para o início do Programa de Esporte e Lazer da Cidade (Pelc) em Salvador e região metropolitana. Cerca 100 agentes sociais e coordenadores de núcleos do programa participam do treinamento, realizado nesta semana no Centro Pan-Americano de Judô, em Lauro de Freitas.

Até o fim de setembro, mais de 700 pessoas de todos os territórios de identidade da Bahia serão capacitadas para trabalhar nos 100 núcleos implantados pelo estado. Lançado na última segunda-feira (14), o programa vai investir R$ 18,2 milhões na popularização de mais de 20 modalidades esportivas, culturais e de lazer, em 78 municípios baianos, para 40 mil pessoas. 

Todos que vão atuar nas ações do Pelc devem passar pela capacitação. Nesta quinta (17), as atividades têm a participação de 12 coordenadores e 84 agentes sociais. Entre eles, Geomário da Silva será coordenador do núcleo da cidade de Alagoinhas, onde já trabalha com o atletismo para todas as idades. 

“Eu acho que essa experiência vai acrescentar muito àquilo que temos feito. Como educador, estou aprendendo muitas coisas novas, que vão permitir que eu desenvolva um trabalho ainda melhor na minha comunidade. Esporte é saúde e qualidade de vida. É muito gratificante quando a gente vê o poder público olhando para isso de uma maneira tão especial”, afirma Geomário. Nas próximas semanas, a programação continua em mais dez municípios do interior. 

Qualificação continuada
 
Neste primeiro momento, professores da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) foram convidados para discutir temas importantes. "As atividades esportivas vão promover inclusão social nas comunidades. “A gente está compartilhando os conhecimentos e fazendo dinâmicas de esporte recreativo e lazer durante esses dois dias. Tudo que a gente faz aqui tem a ver com esporte de inclusão e de transformação social, no qual qualquer pessoa é bem-vinda, não apenas os mais hábeis. A ideia é fazer com que qualquer pessoa possa participar, desde criança até os idosos”, destaca a professora de educação física Silvana Echer. 
 
Realizado pelo Governo do Estado, por meio da Superintendência de Desporto (Sudesb), o Pelc acontece em parceria com o Ministério do Esporte, oferecendo uma qualificação continuada. De acordo com a coordenadora-geral do programa, Susi Dócio, a formação vai acontecer em quatro etapas, durante os 20 meses do Pelc. 

“O programa de formação é dividido em quatro etapas. Essa é primeira delas. Outras duas serão realizadas no ano que vem, e a última em 2019. A ideia é empoderar cada vez mais os nossos agentes e coordenadores para que futuramente eles possam ‘caminhar’ pelos seus próprio méritos, buscando cada dia mais a autogestão dos núcleos, bem como a sustentabilidade”, explica a coordenadora.

Fotos: Elói Corrêa/GOVBA


....................................................................................................
Secom  - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia


Endereço e mapa: http://goo.gl/UY4sw


Telefone: (71) 3115-9425
Pelc promove capacitação de 100 agentes sociais e coordenadores Pelc promove capacitação de 100 agentes sociais e coordenadores Reviewed by CHICO DUVALLE on agosto 19, 2017 Rating: 5

Nenhum comentário

Facebook

Related Posts No. (ex: 9)