Flickr

Oficinas de arte urbana integram estudantes com o ambiente escolar


Estudantes de escolas estaduais da capital e interior do estado estão se inspirando na arte de rua para transformar o ambiente escolar. O projeto #GrafitaÊ, iniciativa da Secretaria de Educação do Estado, tem o objetivo de aproximar a realidade dos estudantes à escola, por meio da história de vida dos alunos e da comunidade, promovendo o empoderamento juvenil. Além de aprenderem a grafitar, os jovens participam de oficinas e workshops, quando se informam mais sobre as comunidades onde estudam.

Até novembro deste ano, o projeto vai atender 270 unidades escolares em todo o estado. De acordo com a coordenadora de Educação Integral da secretaria, Catarina Cerqueira, a ideia é envolver os estudantes dentro de um conceito de pertencimento. “O grafite é uma expressão artística que já está no cotidiano desses jovens, e trazer essa linguagem para escola, discutindo temas com racismo e questão de gênero, é muito importante. Nosso intuito é que a escola tenha a cara do estudante e seja um lugar onde ele se sinta confortável para se expressar e se desenvolver”.

Antes das oficinas, os jovens participam de bate papo sobre os temas que mais lhe interessam. Para Mariana da Silva, estudante do Colégio Estadual Deputado Henrique Brito, no bairro Campinas de Brotas, em Salvador, o projeto tem servido como um estímulo para se interessar mais pela escola. “É uma forma mais interessante de aprender a história dos lugares. A gente descobre muitas coisas, além de aprender a arte do grafite. No fim das contas, eu comecei a ver a escola mais como um espaço que também é meu e quero deixar esse espaço mais bonito e cuidar dele”. 

Para a diretora da escola, Selma Sampaio, além de consciência social, o #GrafitaÊ melhora o comportamento dos alunos. “É notório, eles ficam mais interessados e aplicados e as notas melhoram muito, sem dúvida. É possível vê-los mais estimulados e querendo se envolver mais e mais. Projetos como esses têm um impacto muito forte porque movimentam não apenas dentro da escola, mas toda a comunidade professores e alunos”.

Mais de 50 colégios já foram atendidos. Para o dia 21 de novembro, estão previstas diversas atividades e oficinas em 100 unidades escolares. Além de grafite, os alunos vão soltar a criatividade em oficinas de customização de roupas, de pintura em garrafas de vidro recicláveis, de hip-hop, de saladas com hortaliças colhidas na horta da escola, de mandalas com discos de vinil e outras atividades.

Fotos: Elói Corrêa/GOVBA

....................................................................................................
Secom  - Secretaria de Comunicação Social - Governo da Bahia
www.comunicacao.ba.gov.br
Endereço e mapa: http://goo.gl/UY4sw

 Twitter | Facebook | Youtube | Flickr | Instagram
Telefone: (71) 3115-9425
Oficinas de arte urbana integram estudantes com o ambiente escolar Oficinas de arte urbana integram estudantes com o ambiente escolar Reviewed by CHICO DUVALLE on agosto 30, 2017 Rating: 5

Nenhum comentário

Facebook

Related Posts No. (ex: 9)