Últimas Notícias

Diretor da Lamia diz que piloto era confiável, mas questiona conduta

O diretor da LaMia, Gustavo Vargas, diz não acreditar na possibilidade de a tragédia com o voo da Chapecoense ter ocorrido por falha no cálculo do combustível feito pelo piloto. Quem pilotava a aeronave era o dono da empresa, Miguel Alejandro Murakami.

No entanto, Vargas pede investigação para apurar se de fato houve falta de combustível.

"A versão de falta de combustível é muito difícil. Era um piloto muito experiente", começou Vargas ao El Tiempo. http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2016/11/30/diretor-da-lamia-diz-que-piloto-era-confiavel-mas-questiona-conduta.htm

Nenhum comentário